Reformados e pensionistas

Na tarde de um desses dias, fiquei por algum tempo na entrada de um banco, enquanto lá dentro uma pessoa da família providenciava umas coisas. Observando o intenso vaivém das pessoas, percebi como, ao adentrarem o edifício, todas elas esboçavam o semblante carrancudo, contraído, revelando assim a tensão e a preocupação que lhes corroíam o…

Escrever com o coração

“Eu não posso escrever para agradar a todos, mas alguém, em algum lugar será tocado se eu colocar meu coração nisso”. ~ Sara Winters Em outras palavras o que Sara Winters quer dizer é que há uma diferença quando se escreve com o coração. E aqui temos por desafio compreender, ou melhor, definirmos o que…

Verbum Regis, sic!

Tenho o hábito de almoçar num bom restaurante de um centro comercial de Salvador, o mais próximo da minha morada. Quando me perguntam o porquê, digo-lhes que nada nos cobram para nos prepararem todo o tipo de comida, todos os dias, a nós bastando-nos escolher qualitativa e quantitativamente apenas o que queremos. Sem custos adicionais,…

Letra de Médico

No passado 12 de dezembro do ano em curso, a professora Zilda Carloni [@ProfZi] publicou um interessante microconto na rede social Twitter. Conta-nos ela que “O médico foi esquiar, se perdeu nas trilhas e morreu. Até escreveu “socorro” na neve, mas ninguém entendeu sua letra”. Tratando-se de uma ficção, dispensam-se as lamentações; sobra-nos, contudo, a…

CBD, uma criança esperta, linda e meiga

Há quase dois anos, passava eu pelo playground do prédio em que habito, quando lá me deparei com uma miúda de gestos graciosos a conversar com a tia-avó materna. Não a podia ver de frente. O meu ângulo de visão permitia-me tão só vê-la de costas. O seu belo cabelo comprido, preso numa fita elástica,…