A misericórdia triunfa sobre o juízo


Um dia destes pela manhã enquanto lia a Epistola de Tiago, saltou-me aos olhos esta declaração tão maravilhosa do irmão do nosso Senhor: “A misericórdia triunfa sobre o juízo!” (Tg 2:13). Esta declaração segue-se à sequência do pensamento de Tiago sobre a importância de não fazermos acepção de pessoas, não preferirmos um em detrimento do outro e não favorecermos um em prejuízo do outro.

Logo após minha leitura bíblica fui ler uma revista de notícias, onde li a história do pequeno Mong Thongdee, um menino apátrida de doze anos, que emocionou o mundo quando foi impedido pelas autoridades tailandesas de participar do campeonato mundial de aviões de papel por não ter nacionalidade definida. O pequeno Mong Thongdee chorou de tal forma que fez com que as autoridades envolvidas na questão recuassem e o permitissem participar do campeonato, onde ficou em 3° lugar. Imediatamente me veio a mente o seguinte texto: “Tu ordenaste força da boca das crianças e dos que mamam, por causa dos teus inimigos, para fazer calar ao inimigo e ao vingador” (Sl 8:2).

É impressionante como nós humanos criamos leis tão estúpidas, leis que impedem um ser humano idêntico a nós, de gozar do privilégio de estar vivo e soltar aviãozinho de papel. A estupidez é tão grande que me dá vontade de chorar e desejar logo o céu de Deus, onde BI e passaporte não servem para nada. Lá a misericórdia triunfa sobre o juízo, enquanto aqui, na terra dos homens, o juízo tenta se impor contra a misericórdia. Mas um choro de menino moveu os céus mais uma vez e fez os poderosos recuarem.

Um menininho que queria soltar aviõezinhos de papel chorou, e a Bíblia diz: “E ouviu Deus a voz do menino, e bradou o anjo de Deus…” (Gn 21:17). Que lição de força! A simplicidade triunfou sobre os arsenais e a misericórdia sobre o juízo. Mong Thongdee, hoje choro junto consigo pelos milhões de apátridas no mundo. Um dia, no céu de Deus, quem sabe não soltamos aviõezinhos de papel juntos.

Luis A R Branco
@LuisARBranco
 

Anúncios

3 pensamentos sobre “A misericórdia triunfa sobre o juízo

  1. Sim, “a misericórdia sempre triunfará sobre o juízo”. E, nesse caso,o instrumento usado pelo Senhor foi um simples menino apátrida que só queria soltar aviõezinhos e foi, de início, impedido pelas autoridades tailandesas de fazê-lo.
    Valendo-se, sabiamente, de um choro profundo e comovente o menino fez com que as autoridades se emocionassem e voltassem atrás na sua decisão precipitada e desumana..
    Assim,percebemos que o homem põe,mas DEUS dispõe a fim de impedir que leis humanas falhas e cruéis possam vencer as leis divinas.

  2. Bela e comovente,sua explanação desse fato,amigo Luis Alexandre Ribeiro Branco;e não foi à toa que Cristo falou:” Deixai as crianças virem a mim.Não as impeçais,pois delas é o Reino de Deus.” E que a Sua misericórdia, continue triunfando sobre o juízo! Amei o texto!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s